6 passos para formar uma equipe efetiva


As mudanças na legislação trabalhista, ao mesmo tempo que trouxeram mais flexibilidade para os contratos, também mudaram as relações de trabalho. Por isso, quem deseja efetivamente formar uma equipe e trazer para si alguém que vista a camisa da empresa precisa seguir algumas diretrizes.

  1. Valorizar o profissional já na entrevista de seleção: perguntas desrespeitosas ou que colocam o entrevistador em uma posição de superioridade frente ao candidato, a exemplo de “Por que você quer trabalhar aqui?” passam uma péssima impressão. O potencial interessado na vaga, uma vez admitido, terá sua conduta pautada por esse histórico.
  2. Saber delegar: nenhum gestor trabalha sozinho, é preciso atribuir as responsabilidades de cada um e determinar objetivos claros para ter uma equipe bem alinhada e chegar aos resultados desejados.
  3. Estabelecer uma comunicação eficiente: sempre que possível, prefira a interação pessoal a e-mails, ainda mais se todos da equipe ocuparem o mesmo espaço físico de trabalho. O e-mail é um ótimo recurso para formalizar o que ficou estabelecido, mas não para o entendimento de tarefas.
  4. Conhecer as competências de cada um: sabendo das afinidades de cada membro da equipe com cada tipo de atividade, as tarefas podem ser distribuídas de forma a alcançar o melhor resultado possível.
  5. Não exigir o que não é factível: não sobrecarregue o colaborador cobrando dele o trabalho de dois ou mais funcionários ou a realização de algo sem tempo hábil para execução. A relação a ser estabelecida é de contratante-prestador de serviços, sempre.
  6. Reconhecer: realçar as contribuições de um funcionário é sempre o melhor caminho para obter seu comprometimento com o trabalho e a empresa. Uma equipe unida, diversa e com um objetivo comum é mais forte, tem mais motivação e atinge suas metas.

Dicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by