Cinco cuidados que os lojistas devem tomar na gestão dos negócios


Existem erros recorrentes na contabilidade dos lojistas, que podem ser fatais nos resultados financeiros da empresa. Conheça alguns deles e veja como driblá-los

  • Falta de controle de vendas – Consiste no registro e monitoramento de tudo que é vendido durante um período. É fundamental ter esse domínio para o controle do orçamento, mantendo o estoque em dia, sempre de olho no fluxo de caixa e no capital de giro, bem como identificando padrões, ajustando o mix de produtos e conhecendo melhor os clientes.
  • Não fazer gestão do estoque – Importante para saber sobre entradas e saídas, não deixando faltar materiais ou permitindo que produtos percam a validade, por exemplo. Porém, a desorganização do estoque pode ocasionar rupturas no estoque, além de causar problemas fiscais por conta de irregularidades no inventário.
  • Erros no controle de custos e precificação – Essa função contábil organiza os custos e as despesas da empresa, fixas e variáveis, para definir as margens de lucro e contribuição adequadas. A partir dessa análise, a formação do preço de venda é definida com mais precisão, visando a lucratividade. Os erros no processo podem comprometer receitas e deixar a loja no vermelho.
  • Gestão financeira ineficiente – Dados da Serasa apontam que  um terço das empresas brasileiras enfrentam dificuldades financeiras no momento. Podemos afirmar que boa parte desse endividamento é causado pela má gestão, que dificulta tarefas tão básicas quanto o controle de contas a pagar e a receber.
  • Incompreensão dos dados contábeis – A profissionalização da área contábil, com a assessoria de uma contabilidade consultiva, é o antídoto contra a falta de conhecimento dos lojistas sobre os dados contábeis. É importante que os empresários tenham orientação para tomarem decisões assertivas e crescer com sustentabilidade.

Dicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *